FilipeJAA
Mensagens: 5
Registado: segunda, 17/dez/2012, 23:54

Criação canários [ajuda / dúvidas]

quarta, 03/jul/2013, 20:40

Olá a todos,

Tenho um casal de canários amarelos desde o verão passado. Este ano por volta do mês de Fevereiro, como aqui em casa há aquecimento e os tenho dentro de casa, começaram a acasalar mais cedo. Tiveram a primeira postura aqui em casa ma infelizmente os pequenotes morreram já com uma semana!! Nunca cheguei a perceber o porquê mas no dia antes a fêmea pareceu-me algo estranha e mais distante do ninho. Para que se conste, O macho estava na mesma gaiola.

Depois de uma longa "pausa" voltaram a acasalar. Apesar de os ovos se encontrarem no ninho ela andava muito distante não chocou os ovos tanto tempo como da ultima vez, não sei se devido as temperaturas serem mais altas agora ou não, ao ponto de eu pensar que não iria dar nada. Mas o que é certo é que os pequnitos nasceram. Ontem 2 e hoje outro. Ainda há mais um ovo. Como os puseram durante as férias não consegui meter os ovos de plástico :(.

Até agora tá a correr bem mas vejo a fêmea algo distante, não liga muito ao ninho. Os pequenitos não morreram mas vejo-a a dar pouca comida! Não sei se é por ser os primeiros dias e eles não precisarem tanto de alimento ou se devido a terem morrido da ultima vez estou a fazer uma tempestade de um copo de água :).
De vez em quando envolve-se com o macho numa espécie de luta, não entendo muito bem pois sou iniciante nisto.
Não sei se deva separar o macho dela e deixa-la criar o filhos sózinha ou não. Gostaria de saber as vossas opiniões.

Em relação à alimentação estou a dar sementes germinadas e para amarela mais as sementes normais.
A partir do 4/5º dias vou começar a meter lá umas maçãs e umas folhas de alface também.

Tenho-os dentro de casa quando está fresco na rua (noite principalmente) e por vezes meto a gaiola na rua quando está mais calor (de dia).

Aceito sujestões, quanto ao separar o macho, e ao resto se algo estiver mal. Obrigado desde já

miguelsilva
***
Mensagens: 66
Registado: segunda, 20/mai/2013, 16:52

Re: Ajuda criação canários

quarta, 03/jul/2013, 21:54

Viva Filipe,

Eu não sou grande expert na matéria mas deixo-lhe a minha opinião/experiência.

Comprei um casal de canários em Maio passado a um criador que teve que desistir. O criador disse-me que já tinham feito uma postura mas que os tinha separado e tirado os ovos. Como a época de criação já vai avançada, pensei que não fossem criar e, por isso, até os juntei num viveiro comunitário (3 x 2 x 2,5) juntamente com 1 casal de mandarins "gigantes" e 1 casal de diamantes de gould.

Passado 1 ou 2 dias, a fêmea estava inquieta e "vinha ter comigo" junto à rede com um piar que me parecia como que um pedido de ajuda. Coloquei-lhes um ninho que tinha por casa e passados 10 minutos já lá estavam a cair as primeiras palhas. Queriam criar!

Puseram 5 ovos - não os troquei por ovos de plástico - e saiu hoje o primeiro canarinho do ninho. Safaram-se os 5, até agora. O mais pequenote é um resistente pois foi sempre bastante mais pequeno que os outros 4 mas mesmo assim, conseguiu ser alimentado.

No domingo passado, a canária voltou a "falar-me" com o mesmo piar, coloquei-lhes novo ninho e, hoje já lá tinha 1 ovo. A canária passa algum tempo no ninho, e a alimentar os filhotes (com muito menos cadência que o macho, dando a ideia que o macho ficou com essa responsabilidade quase que por inteiro). É engraçado que, se tudo correr bem, a data de saída do último canário do ninho - daqui a 2 ou 3 dias - coincidirá +/- com o inicio do novo choco.

Daquilo que pude observar do comportamento do casal, acho que tive sorte com o macho, pois quando a fêmea estava no choco e nos primeiros dias dos pequenotes, era sempre o macho que levava comida à fêmea (a fêmea praticamente não saía do ninho) e assim que os pequenotes foram crescendo ele sempre os alimentou.

Relativamente à alimentação, tiveram sempre à disposição: papa de ovo (1 gema de um ovo cozido + igual volume de pão ralado, bem misturados => há quem misture liquidos mas eu dou somente assim, seca!) feita e trocada todos os dias pela manhã, bróculos (que é o que mais gostam), couve portuguesa ou couve lombarda ou couve coração, maçã e pêra (que é o que tenho no quintal), além da normal mistura de sementes. Já lhes dei pepino, uvas e melão, que comeram mas não me pareceram muito fãs. Do que tenho lido, alface não é muito aconselhável pois pode causar diarreia mas pode-se dar ocasionalmente. Também lhe fui colocando a casca dos ovos cozidos, muito bem triturada, embora também não tenham ligado muito. Quanto ao germinado, também do que tenho lido, não sei se será muito boa ideia pois há tendência para ganhar fungos o que pode ser prejudicial.

Tiveram e têm sempre banho disponível.

Relativamente ao macho "atacar" a fêmea, quase de certeza que será por querer "acasalar" de novo e, caso isso seja muito recorrente, ou verifique que deixa a fêmea muito stressada, acho que seria melhor separá-los. Você é que está próximo das aves, por isso, siga a sua intuição.

Quanto ao facto de estar a trocar a gaiola constantemente não sei se será muito boa ideia. Há uns anos atrás também criei alguns canários em gaiolas normais (~80 x 40 x 40 => +/- com a mesma alimentação que referi anteriormente) e só mudava a gaiola aos sábados para que puddessem apanhar um pouco de sol direto. Só o fazia aos sábados pois era quando tinha tempo para os observar, não fosse o gato da vizinha ter ideias.

Tal como lhe disse em cima, eu não sou muito experiente mas fui seguindo o meu feeling e respondendo ao que me pareceram ser os "desejos" das aves. Algumas coisas que referi acima não são comummente aceites como corretas por alguns criadores (ter banho disponível diariamente na altura do choco e enquanto os filhotes são pequenos, criar até tão tarde como vai ser a postura que agora iniciaram, etc) mas nestas coisas, costumo observar o comportamento das aves e tentar perceber e corresponder com o que pretendem.

Respondo-lhe porque sei que quando colocámos este tipo de dúvidas gostamos de obter respostas rápidas, para perceber como poderemos agir e/ou corrigir. Apenas partilho a minha modestíssima opinião e experiência.

Normalmente o pessoal aqui do forum ajuda bastante e brevemente surgirão mais respostas, com mais know-how.

Espero que corra tudo bem. Vá dando notícias.

Abraço

MS

FilipeJAA
Mensagens: 5
Registado: segunda, 17/dez/2012, 23:54

Re: Ajuda criação canários

quarta, 03/jul/2013, 22:16

Miguel Muito obrigado pelo feddback.
É sempre bom ouvir falar de outras experiencias.
Agora depois de ler a sua resposta lembrei-me que da ultima vez que eles criaram em Fevereiro o macho também andava sempre a dar de comer a fêmea ela praticamente não saia do ninho mas depois como já referi tudo mudou, ela parece ter perdido o interesse e ele não lhe levava a comida... e os canários morreram!
Não sei se seria por o macho querer acasalar de novo pois estiveram juntos desde então e só criaram agora, por isso suspeito que não era esse o problema... mas acho que nunca saberei o que se passou...
talvez a fêmea não seja boa criadora... não sei...

miguelsilva
***
Mensagens: 66
Registado: segunda, 20/mai/2013, 16:52

Re: Ajuda criação canários

quarta, 03/jul/2013, 23:53

A "pausa" que fizeram é um pouco estranha.

O macho poderia querer criar mas a fêmea não.

Não parta já para a conclusão de que a fêmea é má criadora, que é extremista e eventualmente precipitada. Pode até ser que as mortes tenham ocorrido por algum parasita, que a fêmea se tenha apercebido e por isso se tenha distanciado.

Com o passar do tempo após o nascimento a fêmea passa cada vez menos tempo no ninho. Parece-me normal que ao fim de uma semana ela esteja a partilhar a alimentação das crias com o macho e que nao fique a tempo inteiro no ninho.

Na sua posição eu faria o seguinte: não mexia na gaiola pelo menos durante uma semana e deixava-os ficar dentro de casa, o mais sossegados possível; observava o comportamento de ambos e se o macho continuar a importunar a fêmea de modo a que ela fique stressada e incomodada, então separaria o macho!

MS

astavares
***
Mensagens: 220
Registado: quarta, 06/dez/2006, 21:30
Localização: Porto

Re: Criação canários [ajuda / dúvidas]

quinta, 04/jul/2013, 01:08

Olá, boa noite.

Estive a ler atentamente texto do Filipe e a resposta do Miguel Silva a apenas quero acrescentar duas coisinhas;

1.º - Nem sempre é muito bom quando o macho alimenta a fêmea no ninho pois ela "esquece-se" muitas vezes de alimentar as crias. Uma vez que não sai do ninho para se alimentar também não entra e os canários só alimentam as crias se elas "pedirem"; assim será bom verificar se quando o macho alimenta a fêmea esta depois alimenta os filhotes. Se não o fizer deve retirar-lhe o macho.

2.º - Não é, de todo, aconselhável mudar a gaiola quando os canários se encontram no choco e/ou com filhotes no ninho, não nos devemos esquecer que as aves se devem sentir seguras no seu local de nidificação o que não acontece se este andar em bolandas de um lado para o outro, mesmo tendo em consideração o que diz o Miguel de colocar a gaiola ao sol ao fim de semana.

Para terminar e em "resposta" ao Miguel, é verdade que antigamente e ainda hoje os há alguns criadores evitavam (vá-se lá saber porquê, -cheguei a ouvir dizer que o banho atrasava o choco!-) dar banho aos canários mas a ornitologia e a mentalidade evoluíram e hoje, penso eu, poucos serão os que privam as aves do seu banho, no mínimo, semanal. Eu, por exemplo sempre que me é possível e seja qual for a época meto as banheiras aos meus canários 2 vezes por semana de resto os meus sinceros parabéns pelo seu raciocínio em "conversar" com as aves pois elas realmente dão-nos sinais de que precisam de algo, mas convém ter em atenção que às vezes querem continuar a criar e mais não fazem do que se cansar pois chega a época da muda e às vezes por esse motivo pura e simplesmente acabam por ignorar os filhotes às vezes já fora do ninho acabando este por morrer à fome.

Boa sorte para ambos.

Saudações ornitófilas.

Armindo Tavares
Criador de: Canários Arlequim Português
http://www.canariosarlequimportugues.blogspot.com/

miguelsilva
***
Mensagens: 66
Registado: segunda, 20/mai/2013, 16:52

Re: Criação canários [ajuda / dúvidas]

quinta, 04/jul/2013, 14:27

Boa tarde,

Sim, de facto também sou da opinião de que as aves nos transmitem os devidos sinais.

A questão de verificar se a fêmea alimenta as crias é pertinente. No meu caso como isso sempre aconteceu, nem me lembrei dessa dica (é neste tipo de pormenores que a experiência é valiosa e insubstituível!).

Tenho consciência de que as aves também poderão querer continuar a criar e não estar preparadas. Optei por deixá-los continuar por dois motivos:
1 - O criador onde comprei disse que ainda só tinham feito uma postura, por isso, começaram a criar bastante tarde (Abril/Maio) talvez devido ao inverno ter-se esticado um pouco aqui pela zona do Porto; assim sendo, vou permitir-lhes que façam esta que será 3ª postura até porque ainda não tinham criado descendência, ou seja, também tiveram menos esse desgaste;
2 - As aves não apresentam quaisquer sinais de muda e espero que demore um pouco mais para que possam levar esta nova ninhada até ao fim; além disso, se tudo correr bem as crias estarão a sair do ninho no início de Agosto, o que acredito estar nos limites do razoável;

Aproveito também para pedir a V/ opinião para o seguinte:
1 - Eu pintei as paredes do viveiro com cal e os canários têm por hábito debicar essa pintura e ingerir, acredito que seja para a digestão embora tenha colocado bastante areia para esse efeito mas não lhe ligam. Este consumo da cal traz algum problema ou é sintoma de alguma carência? Esta cal fornece-lhes cálcio?
2 - O pequenote que ontem saiu do ninho, regressou ao ninho durante a noite, o que é um bom sinal pois o ninho está a cerca de 1,75m de altura e, por isso, significa que já tem alguma independência. Passei por lá há pouco e já estão 4 fora do ninho mas um deles ainda lhe faltam algumas penas, se ele não conseguir regressar ao ninho durante a noite, é aconselhável colocá-lo no ninho, ou como vai estar calor não valerá a pena?

Abraço

MS

astavares
***
Mensagens: 220
Registado: quarta, 06/dez/2006, 21:30
Localização: Porto

Re: Criação canários [ajuda / dúvidas]

sexta, 05/jul/2013, 00:04

Olá, de novo.
Os canários pode debicar à vontade a cal do viveiro que não lhes causará mal algum. A cal já "cozeu" e por esse motivo é que eles a debicam. Até há pouco tempo caiava os meus viveiros e nunca houve o mais pequeno problema.
Quanto ao filhote que saiu do ninho se ele já tem 18 dias de vida não há problema pois andará atrás dos pais busca de alimento; tem de ver é se ele consegue voar para os poleiros de modo a "chatear" os pais.
Saudações ornitófilas.
Armindo Tavares
Criador de: Canários Arlequim Português
http://www.canariosarlequimportugues.blogspot.com/

FilipeJAA
Mensagens: 5
Registado: segunda, 17/dez/2012, 23:54

Re: Criação canários [ajuda / dúvidas]

sexta, 05/jul/2013, 19:39

Boas a todos,

É com pena que anuncio que já morreram 2, um nem chegou a sair do ovo (tava morto lá dentro) e o outro que resta está tão fraquinho que não se vai aguentar!
Não sei o que se passa mas parece-me mesmo que a fêmea é ma reprodutora! Ela parece-me que desliga. Mas não sei se é só impressão pois não conheço grande coisa só o que vou lendo a aprendendo por foruns como este e com as vossas mensagens.

Durante esta longa "pausa" o macho andava muito de volta dela a fazer aqueles movimentos de acasalamento e a cantar mas ela não lhe dava bola nenhuma.
Depois lá fizeram o ninho e criaram durante as minhas férias... O grande problema é que me encontro no estrangeiro num país frio (Suiça) e muitas vezes a temperatura mesmo no Verão, principalmente este ano desce muito e foi por isso que troquei a gaiola de sitio umas 3 vezes... Mas da outra vez a gaiola teve sempre no mesmo sitio e morreram na mesma e já tavam bem desenvolvidos. Mas desta vez duraram apenas 3 dias e ela parece que se desleixou logo de seguida e a prova está à vista.
Adoro canários e adorava conseguir fazer criação mas estas desilusões seguidas fazem-me pensar... em pelo menos trocar este casal por outro, veremos.

Mais uma vez obrigado a todos...

FilipeJAA
Mensagens: 5
Registado: segunda, 17/dez/2012, 23:54

Re: Criação canários [ajuda / dúvidas]

segunda, 08/jul/2013, 14:13

Bom dia,

Venho aqui para anunciar que depois da morte dos prquenotes fiz uma limpeza ai ninho e á gaiola doa canários e até estava para não meter de novo o ninho lá dentro mas depois acabei por o colocar lá dentro.
Mas tirei o suporte com o material para fazer ninho. Hoje deparei-me com a fêmea algo agitada, com um piar esquisito como se tivesse a pedir qualquer coisa e com um bocado de jornar (uso para proteger o fundo da gaiola) e uns fios de material para ninho que ficaram perdidos na gaiola na boca. Pensei será que anda a fazer ninho? Olhei para dentro do ninho e lá estavam uns bocados dentro!
Fui buscar o material para o ninho ela parecia louca a acartar fios para o ninho! Passado alguns minutos apanhei o macho a acasalá-la!

Será normal acontecer tão tarde e logo a seguir à morte dos outros?
Seria este o problema, o facto de quererem criar de novo e ela se desinteressar dos outros pequenos?

Agurardo as vossas opiniões e experiências. Obrigado

miguelsilva
***
Mensagens: 66
Registado: segunda, 20/mai/2013, 16:52

Re: Criação canários [ajuda / dúvidas]

quarta, 10/jul/2013, 12:10

Bom dia,

Perante os seus últimos comentários algo de errado se passa, pois o casal faz tudo certo exceto criar os filhotes a partir de certa altura.

Dado o histórico que já indicou atrás, eu deixaria seguir esta última postura (que já é muito tardia!) e separaria o macho assim que a fêmea entre no choco. Caso aconteça o mesmo que nos casos anteriores, manteria-os separados para descansarem.

Mas isto parece-me arriscado pois a muda deve estar a aparecer mais tarde ou mais cedo...

É uma opinião de amador!


Abraço

MS

Voltar para “Canários (geral)”