Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Assuntos diversos relacionados com o tema AVES ou que não se adaptem aos tópicos existentes.

Moderador: Tiago Neves

Re: Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Mensagempor ilidio diogo » sábado, 26/nov/2016, 13:30

Boas,Cable man disse de sua justiça e respeito a sua opinião mas ja pensou quem queria ser juiz profissional em que a época das exposições é de Outubro a mais tardar Janeiro e de tempos a tempos? Depois um particular organizar uma exposição não sei se é possivel mas penso que ninguem estaria disposto a tal , só o trabalho que dá , neste momento fazem-no de graça (quem esta a receber as aves e a alimentá-la e depois na entrega) imagine se fosse a pagar. Quanto a ser juiz e participar na exposição já hoje não pode. Outra coisa que não concordo consigo é o criador fornecer alimentação já viu o o criador ter de se deslocar todos os dias ao local o que seria impossivel se for de longe , mesmo de perto não era de todo praticável , ou então fornecer as sementes o que seria um absurdo ja viu como iria ser? estes passaros comem isto criador x estes isto criador y . Agora as gaiolas imagine um criador que manda 20 aves para a exposição teria de ter 20 gaiolas , era quase obrigatório ter uma carrinha e uma casa enorme e já agora se for homem uma mulher bem especial quase santa. Não leve a mal eu estar a rebater a sua opinião , estamos apenas a trocar ideias, concordo que ha muita coisa a melhorar por exemplo na alimentação das exposições poderia ser muito melhor e diferenciada por cada tipo de ave já fui a uma em que só forneciam alpista . Bom fim de semana.
ilidio diogo
 
Mensagens: 26
Registado: terça, 22/dez/2015, 11:15

Re: Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Mensagempor cable-man » sábado, 26/nov/2016, 20:41

Bem, eu nao disse que os juizes deviam ser EXCLUSIVAMENTE juizes/arbitos.
Apenas que devem ser profisionais.
Porque é que um cozinheiro nao pode ser juiz? Obviamente que na epoca de exposiçoes teria de tirar uns dias de folga, mas isso teria a ver com a sua disponibilidade.

Quando eu disse fornecer a sua comida nao me estava referir a ir ele todos os dias deitar comida aos seus passaros, mas sim ele colocar junto com os passaros a comida para os mesmos.
a limpeza, troca de agua e fornecimento de comida aos animais ficaria a cargo das pessoas que seriam contratadas/voluntarios para isso.

Quanto a cada qual ter as suas gaiolas, sim acho que seria mesmo a melhor opçao.

Posso estar muito enganado... mas neste momento quem organiza esposiçoes nao sao exclusivamente os clubes?
Se forem, nao sao de graça. Ou os clubes nao cobram cotas aos socios??

Poderia nao ter interesse para um particular organizar, é discutivel mas entendo a sua relutancia, mas por exemplo uma empresa de fabrico de raçoes, uma camara municipal, uma feira anual, uma feira franca, ... tudo isto sao entidades que poderiam recorrer a uma coisa destas para promover a suaa cidade/empresa/evento.
Acredite que ha muitas opçoes nesse aspecto.
Imagine isto, aqui ao pe, Ferreira do Zezere, tem a maior omeleta de nao sei o que.
Viseu tem o maior bolo de nao sei o que
outras cidades teem coisas semelhantes.
Nao é diferente de ter a maior esposiçao de aves, sao eventos/acontecimentos prestigiantes para a cidade/empresa.

Diga-me, se eu hoje quiser organizar uma exposiçao/concurso de aves, posso?
Se eu a organizar, ninguem me pode impedir de fazer uma exposiçao/concurso com regras proprias, um criador federado pode participar na minha esposiçao com as suas aves sem que dai lhe venha algum prejuizo a nivel de clube/federaçao?
Onde é que vou buscar um juiz para a minha esposiçao?
Repare que se os juizes fossem profissionais esta parte pelo menos estava resolvida. O juiz que vinha avaliar a minha exposiçao era o mesmo que ia cascos de rolha a maior exposiçao do mundo, tivesse eu dinheiro para lhe pagar.

Quanto a na epoca das exposiçoes ter de tirar uns dias de folga da/o mulher/marido...
ha duas opçoes:
1 - Escolhe 1/2/3 exposiçoes onde quer mesmo participar e tiram ferias juntas nessa altura
2 - Se a/o companheira/o nao gosta de passarada, é uma boa razao para lhe dar uns dias de descanso do marido/esposa

QUanto a discordar da minha opiniao, sem opinioes contrarias nao se aprende.

Posso lhe dar um exemplo, existe na alemanha um concurso de Dicus, peixes, so de Portugal vao muitas pessoas so para ver aquela exposiçao.
Nao é por la haver mel, é porque efectivamente é uma exposicao com prestigio mundial.
Isso nao se consegue com exposiçoes locais todos os fins de semana em diversos pontos do pais, consegue-se com uma organizaçao grande com capacidade financeira para o fazer.
Viveiro e resumo geral de tudo: http://forum.avespt.com/viewtopic.php?f=33&t=7475&p=54187#p54187
Updates na Pagina3
Avatar do Utilizador
cable-man
****
 
Mensagens: 481
Registado: terça, 11/dez/2007, 02:43
Localização: Tomar - Portugal

Re: Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Mensagempor AvilandiaPT » segunda, 28/nov/2016, 16:40

Olá,

Acho que vai aqui alguma confusão sobre como funciona a estrutura da actividade e das exposições.

Os criadores são filiados em clubes aos quais pagam as suas quotas de sócio.
Os clubes são filiados nas federações às quais pagam as suas quotas.
Os criadores "compram" anilhas aos clubes que, por sua vez, as "compram" às federações.
Os criadores pagam um quota federativa periódica com o pedido de anilhas.
Os juízes são membros das comissões técnicas podendo ser nacionais ou internacionais.

Qualquer um (criador/expositor filiado) se pode candidatar a aspirante a juiz, podendo essa candidatura ser aceite ou não conforme a situação e ou avaliação. O processo de aceitação passa por umas coisas parecidas com "exames". Depois tem um período de suposta formação até fazer novo "exame" para juiz. A avaliação, de forma genérica e simplificada, é feita pelos restantes juízes.
Sendo aprovado como juiz está apto a julgar exposições nacionais. Um juiz é internacional após 5 anos (mínimo) como juiz nacional e após exame internacional (se não mudou entretanto).
Existem diversas entidades internacionais embora a mais relevante na estrutura nacional seja a COM, à qual está associada a OMJ enquanto órgão técnico.

Os clubes marcam as suas exposições, que comunicam às federações que solicitam a presença dos juízes consoante a previsão de aves que o clube indica.
O custo com os juízes (deslocações, alojamentos, diária, etc) podem ser suportados pelos clubes ou pelas federações dependendo da situação.

O modelo mais comum de exposição em Portuga é o típico de uma semana em que a organização é feita pelo clube, com gaiolas do clube. As exposições em que os criadores levam as suas gaiolas são mais comuns no centro e norte da europa e normalmente mais curtas (1-2 dias). Ambos os sistemas têm vantagens e desvantagens para os dois lados. As exposições mais curtas são por norma muito melhores para o bem estar das aves de forma geral.

Em relação à alimentação, a maioria dos clubes permite que o criador assuma a responsabilidade da alimentação das suas aves, especialmente quando se trata de espécies menos comuns e com necessidades específicas. Obviamente que isso não é praticável num cenário de alimentar cada ave uma a uma de sua maneira.

As exposições podem ser organizadas por quem bem entender desde que cumpridos os pressupostos legais de autorização, sanitários, etc. Normalmente são os clubes a fazê-lo mas ninguém obriga que assim seja. Se alguém decidir convencer n criadores a juntarem 1000 aves num qualquer salão de festas, salvaguardadas as obrigações legais, não vejo porque não o possa fazer.
Em teoria qualquer criador é livre de fazer o que entende com as suas aves e participar onde bem entende. No inverso, os clubes organizadores podem só autorizar a participação de quem entenderem (criadores com anilhas reconhecidas).
Os juízes podem ser solicitados às comissões técnicas que podem ou não autorizá-los a participar. Quando convidados é obrigação do juiz solicitar autorização à sua CT para julgar.

Os juízes não são "profissionais" mas são reconhecidos pelas CTs a nível nacional e pela OMJ se forem juízes internacionais. Realço que podem existir juízes reconhecido por outras entidades.
Se um grupo de criadores entender que o fulano X é competente para analisar as suas aves, é um problema entre eles e o fulano X, mesmo que outras entidades não o aceitem.

Existem dezenas de eventos ornitológicos a nível nacional e muito que a nível internacional arrastam milhares de pessoas de todo o mundo para os visitar. Um criador pode até não fazer 50km para ir ver a exposição da terra vizinha mas ir passar 4-5 dias a outro pais para visitar uma exposição que lhe interesse.

Isto escrito e lido assim até não tem nada de complicado e está tudo muito bem "oleado" às mil maravilhas.

Cumps.
Ricardo M.
ImagemImagemImagem
Avatar do Utilizador
AvilandiaPT
*****
 
Mensagens: 1001
Registado: domingo, 15/Oct/2006, 08:26
Localização: Benavente - PORTUGAL

Re: Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Mensagempor ilidio diogo » segunda, 28/nov/2016, 19:33

Tudo muito bem explicado , obrigado
ilidio diogo
 
Mensagens: 26
Registado: terça, 22/dez/2015, 11:15

Re: Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Mensagempor cable-man » segunda, 28/nov/2016, 23:49

Os pressupostos legais de autorizaçao, sanitarios e etc, sao pedidos a quem?

explica melhor isto:
"...
Em teoria qualquer criador é livre de fazer o que entende com as suas aves e participar onde bem entende. No inverso, os clubes organizadores podem só autorizar a participação de quem entenderem (criadores com anilhas reconhecidas).
..."
Viveiro e resumo geral de tudo: http://forum.avespt.com/viewtopic.php?f=33&t=7475&p=54187#p54187
Updates na Pagina3
Avatar do Utilizador
cable-man
****
 
Mensagens: 481
Registado: terça, 11/dez/2007, 02:43
Localização: Tomar - Portugal

Re: Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Mensagempor AvilandiaPT » terça, 29/nov/2016, 09:53

Olá,

Normalmente são pedidas às autoridades sanitárias municipais e/ou DGAV dependendo do evento em questão.
Sobretudo desde os episódios com a gripe das aves e cancelamento das exposições em 2005 ou 2006 tem havido mais cuidado com isso.

O criador pode inscrever as aves onde quiser. Se um conhecido decidir realizar uma "exposição" em Cascos de rolha de cima é o criador que decide se quer lá ir ou não. Pode querer ir porque a competição lhe interessa, porque acha um bom local para vender as aves, pela publicidade, porque e come bem e vai lá passar o fim de semana, porque lhe pagam para isso ou só porque é amigo e quer dar uma ajuda com mais aves a fazer crescer aquilo. Essa parte depende apenas do criador. Da mesma forma que não ir também só depende dele.
A maioria dos clubes aceita qualquer criador, seja sócio ou não, nas exposições MAS por regra só aceita aves que tenham anilhas "oficiais" das federações. O que é legitimo. Se quiseres organizar um campeonato de futebol de 5 podes decidir que só aceitas equipas de pessoal amigo ali da tua terra. Mesmo que os clubes profissionais queiram lá ir jogar.

Portanto de uma forma geral anilhas "oficiais" são reconhecidas ou não e aceites ou não por vontade das organizações e estrutura. Existem muitos clubes por esse mundo fora que não estão filiados nas federações nacionais respectivas e, por consequência, na COM. Não é por isso que deixam de ter eventos de relevo. E consoante o interesse as anilhas desses clubes podem ou não ser aceites pelos clubes/federações/COM.

A questão é ainda mais curiosa quando um criador pode estar ao mesmo tempo filiado em ambos. Pode ser sócio de clubes fora da COM e anilhar com anilhas desse clube mas ter interesse em participar em eventos COM na mesma.

Por isso é que eu defendo há muito tempo que a historia da origem da anilhas "oficiais" devia ser revista e completamente secundária, desde que salvaguardada a identificação do criador.
Mas isso sou eu que sou um tipo um bocado rebelde e cada vez mais outsider destas coisas porque gosto mesmo é das aves, da criação e do estudo das mesmas. Portanto não liguem ao que eu digo!

Cumps.
Ricardo M.
ImagemImagemImagem
Avatar do Utilizador
AvilandiaPT
*****
 
Mensagens: 1001
Registado: domingo, 15/Oct/2006, 08:26
Localização: Benavente - PORTUGAL

Re: Anilhas.com - alguém comprou lá, recentemente?

Mensagempor cable-man » terça, 29/nov/2016, 20:58

ok, entendido.
Viveiro e resumo geral de tudo: http://forum.avespt.com/viewtopic.php?f=33&t=7475&p=54187#p54187
Updates na Pagina3
Avatar do Utilizador
cable-man
****
 
Mensagens: 481
Registado: terça, 11/dez/2007, 02:43
Localização: Tomar - Portugal

Anterior

Voltar para Diversos / Off-Topic

Quem está ligado:

Utilizadores a ver este Fórum: Nenhum utilizador registado e 2 visitantes