Dolfo
*****
Mensagens: 1237
Registado: quinta, 25/jan/2007, 01:56

Ácaros pulmonares

quarta, 07/mar/2007, 09:22

Bom dia,

Como se detecta se uma ave tem ácaros pulmonares ou piolhos da traqueia?

Se for o caso, qual a gravidade e o que se deve fazer?

Obrigado,

Dolfo

Armando Moreira
Site Admin
Mensagens: 1263
Registado: sábado, 14/out/2006, 22:38
Localização: Maia - PORTUGAL
Contacto: Sítio web

Acaros pulmonares

quarta, 07/mar/2007, 17:35

:D Olá Dolfo!

Não sei responder a pergunta que faz sobre como saber se a aves tem acaros nas vias respiratórias.

Vou atrever-me a enviar a minha modesta contribuição para o tema que propõe, e no seguimento do enquadramento que fiz no tópico "Desparasitante".

Anti-windpipe mite da Bogena

http://www.ciao.es/Bogena_Pulmosan_Anti ... on_1061494

Penso que uma leitura atenta pode ajudar. desculpem por ser em espanhol.

Com amizade, :)

Dolfo
*****
Mensagens: 1237
Registado: quinta, 25/jan/2007, 01:56

quarta, 07/mar/2007, 18:16

Olá Armando,

Mais uma vez obrigado pela resposta, e claro está por mantermos o Forum vivo e esclarecedor.
Anti-windpipe mite da Bogena
Esse foi justamente o que usei aqui há uns anos, só que como se aplica apenas uma ou duas gotas em cada ave, e desde então não voltei mais a usar, entretanto passou o prazo de validade. E antes de voltar a comprar ou não do mesmo, como entretanto temos este excelente Forum onde se pode aprender com quem já anda nisto há muito tempo e tem portanto muito mais experiência que um novato, daí ter posto a pergunta.
Não sei responder a pergunta que faz sobre como saber se a aves tem acaros nas vias respiratórias.
È assim, um dos sintomas que vem justamente no folheto do produto acima citado, que ajuda a reconhecer uma ave com ácaros pulmonares, è o facto da ave manifestar (e cito) "Intenção de vómitos com movimentos característicos na cabeça", ou seja, ela abre a boca repetidamente (um pouco como se estivesse a bocejar) e estica o pescoço como se tivesse dificuldade em respirar ou quisesse vomitar.
Outro sintoma, entre outros, ainda segundo o mesmo folheto serão (e cito) "Dificuldades respiratórias com muitos ruídos".

Ora eu tenho uma ave que tem tendência a ter esses dois sintomas, por isso aliás lhe dei este produto aqui há uns anos.
Não só de vez em quando se põe a abrir a boca e a esticar o pescoço repetidamente, mas além disso, acontece também que quando está na limpeza das penas tem tendência para produzir uma espécie de espirros consecutivos ao mesmo tempo que se esfrega.

Eu aqui há dias, por prevenção borrifei todas as aves com um spray Antiparasitário "Men For San", que será um insecticida acaricida contra parasitas, mas creio que isto è para ácaros externos, não internos, como os pulmonares ou o piolho da traqueia.

A ave em questão não voltou a espirrar nem a fazer os tais bocejos, mas também reparei numa coisa, è que depois de ter aplicado este produto, todas as aves ficaram num estado estranho, como se estivessem com uma valente pedra, meias adormecidas, com perdas de equilíbrio (chegaram a cair dos poleiros como se tivessem adormecido em pé ou estivessem completamente bêbedas!), sem apetite (não tocaram na comida no 1º dia e mal lhe tocaram no 2º dia!), e levaram uns dias a recuperar! Além de que este produto lhes provoca forte ardor na vista.

Por isso tudo queria evitar dar de novo disto e optar por algo que não afete as aves desta maneira. Não sei se fui eu que exagerei e as borrifei de mais, talvez, ou se isto è mesmo assim, mas francamente não gostei de as ver naquele estado!

Enfim, ora aí está uma experiência que partilho, talvez outros já tenham utilizado o mesmo produto e tenham tido resultados diferentes, seria bom ler outras opiniões.

Cumprimentos,

Dolfo

Pedro121
*****
Mensagens: 2752
Registado: terça, 17/out/2006, 09:46
Localização: Caldas da Rainha

quinta, 08/mar/2007, 18:06

Pessoalmente e devido as experiências que tive com Goulds eu gosto muito do Ivomec que tem por base a Ivermictina, é extremamente efeciente, infelizmente é também extremamente tóxico para a ave e é fácil causar um acidente com base na dosagem errada, se usado correctamente não tem efeitos secundários significativos, se usado incorrectamente a ave pode apresentar vários problemas derivados incluindo a morte.
Pedro Ramalho

Dolfo
*****
Mensagens: 1237
Registado: quinta, 25/jan/2007, 01:56

quinta, 08/mar/2007, 18:45

Obrigado Pedro.

Só uma questão, se de facto uma ave tem ácaros pulmonares, isso è grave? Ou seja, pode viver com isso? Ou não? È que a ave que suspeito que os possa ter, se de facto è isso, já os tem desde que a adquiri há uns 3 ou 4 anos. E isso è contagioso? È que a fêmea da mesma ave não parece ter nada disso, e a mesma ave já alimentou uma cria até ás 4 semanas, e não creio que a cria tenha os mesmos sintomas. Como ás 4 semanas começou a ser criada por mim à mão, todos os dias tenho contacto próximo com ela, e nunca dei conta dela "bocejar" ou "espirrar" como o pai (adoptivo porque o ovo não era da fêmea dele, mas enfim).

Além destes sintomas visíveis, há outro modo de confirmar se de facto a ave tem ácaros pulmonares? Análises?

Mais uma vez obrigado.

Cumprimentos,

Dolfo

Avatar do Utilizador
amdeab
Mensagens: 5
Registado: segunda, 07/mai/2007, 03:32
Localização: Loures - Lisboa - Portugal

sábado, 19/mai/2007, 17:59

Olá a todos,

Agradecia que alguém me diga onde poderei adquirir esse desparasitante (Bogena Pulmosan Anti-ácaros).
Cumprimentos,
Alberto Boucinha

Dolfo
*****
Mensagens: 1237
Registado: quinta, 25/jan/2007, 01:56

sábado, 19/mai/2007, 19:08

Boa tarde Alberto,

Acho que consegue arranjar isso em qualquer loja de animais, ou pelo menos em algumas, sem grande dificuldade.

Cumprimentos,

Dolfo

Avatar do Utilizador
amdeab
Mensagens: 5
Registado: segunda, 07/mai/2007, 03:32
Localização: Loures - Lisboa - Portugal

sábado, 19/mai/2007, 19:18

Obrigado Dolfo, vou já procurar o medicamento.
Cumprimentos,
Alberto Boucinha

Pedro121
*****
Mensagens: 2752
Registado: terça, 17/out/2006, 09:46
Localização: Caldas da Rainha

domingo, 20/mai/2007, 19:16

”Só uma questão, se de facto uma ave tem ácaros pulmonares, isso è grave? E isso è contagioso?”

Em Goulds e Canários é grave e potencialmente fatal, eu nunca vi em outras aves por isso não sei o que pode causar, e é altamente contagioso, principalmente de pais para filhos
Pedro Ramalho

Dolfo
*****
Mensagens: 1237
Registado: quinta, 25/jan/2007, 01:56

segunda, 21/mai/2007, 00:34

Boas,
Em Goulds e Canários é grave e potencialmente fatal, eu nunca vi em outras aves por isso não sei o que pode causar, e é altamente contagioso, principalmente de pais para filhos
Obrigado Pedro.

Pois, como referi no meu post anterior sobre este assunto, francamente não sei se o tal macho terá de facto este problema, se calhar é outra coisa qualquer. É que a verdade é que a cria que ele criou, e que tem agora 6 meses, não tem nenhum destes sintomas. A fêmea que vive com ele também não. O outro casal que vivia com ele na mesma gaiola (enfim, continuam a viver na mesma gaiola mas de há uns tempos para cá como referi noutro tópico está dividida em 2) também não tem esses sintomas.
E ele, de vez em quando lá continua a dar uma espécie de espirros (mas não são espirros de constipação, parecem mais como se estivesse a soprar, não sei bem descrever), que só faz quando está a fazer a toilette, mas últimamente não o tenho visto a abrir a boca como se estivesse a bocejar!

Não sei o que possa ser! Como depois de 2 ou 3 acasalamentos com a mesma fêmea, eles só tiram ovos vazios, já me perguntei a mim mesmo se isto não terá algo a ver com a possível esterilidade do macho, enfim, se não haverá uma relação causa-efeito entre estas 2 anomalias!

Obrigado.

Cumprimentos,

Dolfo

Mandarin
Mensagens: 41
Registado: terça, 03/abr/2007, 15:29
Localização: Setubal

ACARIASMA

segunda, 21/mai/2007, 11:40

Eu tenho uma canaria que faz um barulho estranho, fiz-lhe um tratamento de 5 dias com ACARIASMA mas passado uns tempos voltou ao mesmo.
Vou tentar agora com Bogena Pulmosan Anti-ácaros, mas a canaria ta no ninho será que faz mal ás crias?

mt obrigado

Avatar do Utilizador
amdeab
Mensagens: 5
Registado: segunda, 07/mai/2007, 03:32
Localização: Loures - Lisboa - Portugal

terça, 22/mai/2007, 22:07

Olá,

Eu comprei hoje o PULMOSAN Anti-Windipe Mite Só que não é da BOGENA, é da Beaphar. A embalagem tem a mesma imagem que o da BOGENA.
Pelo que li, eles aconselham a fazer o tratamento preferencialmente entre 1 a 2 meses antes da temporada de criação (para prevenir contaminações no ninho).
Cumprimentos,
Alberrto Boucinha

Dolfo
*****
Mensagens: 1237
Registado: quinta, 25/jan/2007, 01:56

terça, 22/mai/2007, 23:38

Olá,

Bogena ou Beaphar é a mesma coisa. Ou 1 comprou a outra ou algo assim, não sei bem, mas é a mesma coisa e de facto nas embalagens mudaram o nome de Bogena para beaphar.

Dolfo

rjjm
Site Admin
Mensagens: 234
Registado: sexta, 17/nov/2006, 19:50
Localização: Maia
Contacto: Sítio web

quarta, 23/mai/2007, 18:28

Ola a todos

tenho sido pouco activo neste forum pois as criações não me dão muito tempo mas agora que ja acabaram ca estou pois o forum merece um esforçom de e todos

Quanto a gravidade dos acaros e muito relativa pois uma ave pode viver com esse tipo de acaro durante varios anos
como e logico os acaroa podem se transmitir a outras aves
eu nas minhas aves utilizo ivermactina uma gota de 3 em 3 mesas e pulverizo os canaris todas as semanas com men-for-san verde e não me recordo quando foi a ultima ves que uma ave esteve com esses sintomas
se alguem quiser ivermectina arranjo frascos de 25ml ao preço do pulmosan da bogena que contem 15ml

fiquem bem
jm carduelis

Dolfo
*****
Mensagens: 1237
Registado: quinta, 25/jan/2007, 01:56

quarta, 23/mai/2007, 19:21

Boas,

rjjm, também utilizo de vez em quando o "Men for san" Classic (Antiparasitas - Insecticida acaricida contra parasitas - ), mas devo confessar que há já algum tempo que não uso porque tenho um certo receio de o utilizar pois reparo que ao borrifar as aves, elas ficam aflitas dos olhos, como se aquilo fizesse arder os olhos ou algo assim!
Abrem e fecham os olhos e/ou esfregam-nos no corpo e/ou tentam coçá-los, enfim, reação óbvia de que aquilo lhes provoca ardor na vista.
Depois o efeito acaba por passar e passado um bocado voltam ao normal, tirando o cheiro que o produto deixa no ar e nas próprias aves.
Numa ou noutra ave mais mansa posso pegar nela na mão e borrifar sem atingir os olhos, mas na maioria delas tenho que borrifar com elas na gaiola e em movimento, de modo que se torna impossível controlar onde são atingidas e inevitávelmente há borrifos que lhes atingem os olhos.

Já reparou também nisto, ou consegue borrifar cada ave individualmente sem atingir os olhos?

Será que o produto pode danificar-lhes a vista, a curto, médio ou longo prazo?

Obrigado.

Dolfo

Voltar para “Doenças / Medicamentos / Tratamentos”