rdj
****
Mensagens: 252
Registado: quinta, 14/mai/2015, 13:43

Trio de roseicollis [dúvidas]

quinta, 24/nov/2016, 10:33

Boas

Tenho 3 roseicollis juntos (2 fêmeas – mãe e filha; 1 macho). O macho fez par com a fêmea filha, mas ela tanto está com o macho como com a mãe…tanto o macho lhe dá comida, como a mãe lhe dá comida.
Inclusivamente tenho dois ninhos na gaiola…e a fêmea mãe colocou ovos (não galados, obviamente) num deles e deixa a filha entrar no ninho também! Ou seja, a filha tanto está junto da mãe, como está junto do macho…
Estou a tratar de arranjar um macho para a mãe…será que ela aceitará o macho e ficarei com dois casais definidos, ou ela continuará a relacionar-se desta forma com a filha??


Obrigado.

hrodrigues
***
Mensagens: 138
Registado: quarta, 04/nov/2015, 14:25

Re: Trio de roseicollis

quinta, 24/nov/2016, 12:25

Boas,
O ideal será separar os casais que quer fazer em gaiolas individuais para ver se aceitam e começam a criar.
Cumprimentos,
Hugo Rodrigues

Avatar do Utilizador
borllock
Site Admin
Mensagens: 3688
Registado: domingo, 01/jul/2012, 16:23

Re: Trio de roseicollis

quinta, 24/nov/2016, 20:57

Deixe os pais juntos numa gaiola e arranje um macho para a fêmea descendente desse casal.
Não convém nada juntar aves da mesma família, saem aves fracas e com maior probabilidade de saírem com deficiências.
Cumprimentos,
José Jesus

Porto - Penafiel

Visitem: https://placeofbirds.wordpress.com/

rdj
****
Mensagens: 252
Registado: quinta, 14/mai/2015, 13:43

Re: Trio de roseicollis [dúvidas]

sexta, 25/nov/2016, 09:59

Obrigado.

borllock,
Não percebeu...não são pais e filha...são mãe e filha + um macho que arranjei. Esse macho fez par com a fêmea filha. Não há portanto o tema da consanguinidade, já que as únicas parentes aqui são as fêmeas.

Avatar do Utilizador
borllock
Site Admin
Mensagens: 3688
Registado: domingo, 01/jul/2012, 16:23

Re: Trio de roseicollis [dúvidas]

sexta, 25/nov/2016, 13:35

Ah, ok percebi mal.
Sendo assim pode juntar o macho com a fêmea mais nova.
Não sei quais as mutações, mas se calhar era melhor juntar os casais a pensar nas mutações das futuras crias. :wink:
Cumprimentos,
José Jesus

Porto - Penafiel

Visitem: https://placeofbirds.wordpress.com/

Voltar para “Exclusivo: Agapornis”